Palavra-chave 

Avaliação do produtoAjuda 

Selecione o mínimo de estrelas que o produto deve possuir.

  •  

Variação de preço 

Arraste os marcadores para definir a faixa de preço e clique em filtrar.

 
R$a R$

Processador 

Tecnologia de Armazenamento 

Tipo de Placa de Vídeo 

Leitor de cartão de memória 

Ordenado por: 
Notebook

Produto patrocinado

Dell Vostro 5470 Intel Core i5-4210U 1.7 GHz 4096 MB 500 GB

Nota 0

  • Tela:  14.0 polegadas 
  • Placa de vídeo:  Intel Graphics 4400 
  • Entrada USB:  3 Porta(s) 
Notebook

Produto patrocinado

Asus VivoBook S400 Intel Core i3-2365M 1.4 GHz 4096 MB 500 GB

Nota 8.06 avaliações

  • Tela:  14.0 polegadas 
  • Widescreen:  Sim 
  • Placa de vídeo:  Intel HD Graphics 3000 
a partir deR$ 1.677,77até  R$ 1.854,47
Notebook

HP Pavilion 14-n030 Intel Core i5-4200U 1.6 GHz 4096 MB 500 GB

Nota 8.85 avaliações

  • Tela:  14.0 polegadas 
  • Widescreen:  Sim 
  • Placa de vídeo:  AMD Radeon HD 8670M 
a partir deR$ 1.994,05até  R$ 2.410,19
Notebook

HP Pavilion 14-n020 Intel Core i5-4200U 1.6 GHz 4096 MB 500 GB

Nota 9.08 avaliações

  • Tela:  14.0 polegadas 
  • Widescreen:  Sim 
  • Placa de vídeo:  Intel HD Graphics 4400 
a partir deR$ 1.699,55até  R$ 2.233,49
Notebook

HP Pavilion 14-n040 Intel Core i5-4200U 1.6 GHz 8192 MB 1024 GB

Nota 8.08 avaliações

  • Tela:  14.0 polegadas 
  • Widescreen:  Sim 
  • Placa de vídeo:  AMD Radeon HD 8670M 
a partir deR$ 2.145,14até  R$ 2.699,00
Notebook

Apple Macbook Pro MD101BZ Intel Core i5 2.5 GHz 4096 MB 500 GB

Nota 9.0141 avaliações

  • Tela:  13.3 polegadas 
  • Placa de vídeo:  Intel HD Graphics 
  • Entrada USB:  3 Porta(s) 
a partir deR$ 3.828,07até  R$ 5.034,05
Notebook

Samsung NP905S3G AMD A6-1450 1.0 GHz 4096 MB 128 GB

Nota 9.06 avaliações

  • Tela:  13.3 polegadas 
  • Widescreen:  Sim 
  • Placa de vídeo:  AMD Radeon HD 8250 
a partir deR$ 2.050,29até  R$ 2.589,00
Notebook

Asus VivoBook S400CA Intel Core i5-3317U 1.7 GHz 4096 MB 500 GB

Nota 7.626 avaliações

  • Tela:  14.0 polegadas 
  • Widescreen:  Sim 
  • Entrada USB:  3 Porta(s) 
a partir deR$ 1.490,55até  R$ 2.163,69

Guia de Compra - Notebook

Como escolher

Compacto e versátil, hoje o notebook pode ser tanto uma opção para uso doméstico quanto para profissionais de diversas áreas. A cobertura 3G das operadoras de celular e a mobilidade proporcionada pelas redes Wi-Fi fez com que esse equipamento se popularizasse ainda mais.


Escolher um notebook pode ser uma tarefa bastante complexa até mesmo para os usuários mais experientes. São inúmeras as possibilidades de escolha entre modelos, marcas e configurações. Na hora de comprar um notebook, o usuário deve ficar atento aos detalhes como:



Configuração e tamanho de um notebook

O tamanho e a configuração de um notebook são as principais características a serem observadas na hora de compra. Isso porque estes dois aspectos estão diretamente relacionados. A escolha de configuração e tamanho depende de como o usuário vai utilizar o seu notebook e de suas preferências.


O tamanho, exclusivamente, refere-se às dimensões de sua tela e assim como em um televisor ele é medido em polegadas. Quando falamos de desempenho, a configuração é o quesito a ser escolhido, principalmente quando se refere ao processador e à memória RAM.


É preciso que o usuário encontre o modelo com o balanço ideal entre esses aspectos, lembrando que o peso nem sempre segue a mesma relação. Alguns componentes podem apresentar peso.


Notebooks de 11 a 13 polegadas

Os notebooks com telas de 11 a 13 polegadas são ideais para usuários que têm de carregar frequentemente seu computador. Apesar de terem características semelhantes aos modelos de tamanho maior, esses notebooks em geral sofrem com a perda de velocidade em razão de sua configuração reduzida. Alguns modelos ainda deixam de fora os leitores de CD, DVD e Blu-Ray para reduzir ainda mais o seu peso.


Notebooks de 14 a 16 polegadas

Já os notebooks com telas de 14 a 16 polegadas oferecem o equilíbrio ideal para quem deseja ter desempenho e mobilidade em único equipamento, a um preço razoável. Esse tipo de notebook pode ser facilmente utilizado como substituto de um desktop e são uma boa escolha para aqueles que não têm de carregar o computador tão frequentemente.


Notebooks superiores a 17 polegadas

Os modelos com telas de tamanho superior a 17 polegadas são notebooks voltados para o entretenimento ou para profissionais que utilizam ao máximo os recursos gráficos de seu equipamento. Esses notebooks têm configuração superior e é bem provável que custem mais até que um desktop.


Desempenho

É importante que usuário saiba antes de comprar um notebook que o desempenho de um computador depende de uma série de componentes. O processador e a quantidade de memória RAM instalada são as principais peças que respondem pela performance nos computadores.


Os notebooks com melhor desempenho são sempre equipados com processadores com dois ou mais núcleos de processamento. A quantidade de memória vai depender do tipo de atividade que o usuário irá desenvolver com seu computador, mas em geral 2 GB de memória RAM dão conta da maioria delas.


Capacidade de armazenamento

Recomenda-se que a capacidade de armazenamento do disco rígido nos notebooks seja sempre superior a 320 GB. Atualmente esta é quase que a capacidade mínima para os notebooks no mercado. Ela é grande o bastante para comportar grande quantidade de arquivos como documentos, fotos e músicas sem prejudicar o desempenho do computador.


Conexões USB

É importante que um notebook tenha ao menos três entradas do tipo USB para atender todas as necessidades do usuário. Mouse, pen-drive e outros periféricos são diretamente conectados ao notebook por meio dessas entradas. Se houver menos entradas pode ser que o usuário tenha de instalar um hub com mais conexões desse tipo.


O que é

Os notebooks, também conhecidos como laptops, são computadores portáteis que podem ser levados para qualquer lugar. Esta mobilidade atrai cada vez mais os consumidores, que muitas vezes optam por este tipo de modelo até como máquina doméstica, pois podem circular por vários ambientes da casa.


O nome notebook vem do inglês e significa "livro de notas". O laptop também é um termo da mesma língua e quer dizer "em cima do colo". Como dá para perceber, eles foram criados com o objetivo de atender à demanda de estudantes e profissionais que precisavam fazer trabalhos fora de casa ou do escritório e utilizariam as máquinas como uma maneira de realizar anotações e pesquisas mais agilmente.


Atualmente, os notebooks são muito mais do que isso. Alguns modelos mais modernos têm a mesma capacidade – ou maior – de um desktop, ou seja, de um computador completo para uso doméstico . De maneira geral, este tipo de equipamento portátil tem na parte externa um teclado e um touchpad, um painel de toque que tem as mesmas funções que o mouse em um modelo maior. Caso o usuário não se adapte a ele, é possível instalar um pequeno mouse portátil, que é conectado por uma das entradas USB dos notebooks.


Tipos

Existem diversos modelos e fabricantes de notebooks no Brasil. Assim, é claro que existem as mais diversas configurações, desde as mais simples e básicas até as mais robustas e avançadas. Equipamentos com hardware mais potente, como um Notebook Apple MacBook Pro com processador Intel Core i7 2.2GHz, 4GB de memória, 750GB de HD e tela de 17", podem custar muito mais que um desktop. Por outro lado, um notebook popular, com configuração bem mais modesta, vai ter um valor equiparável até mesmo ao de um netbook.


É importante ressaltar que, na hora de escolher o seu modelo, é preciso definir para que você deseja usá-lo. Se o computador será apenas para utilização básica, como redação de textos, apresentações em slides, ouvir músicas e acesso à internet, você pode optar por uma máquina com configurações básicas. Apenas 1GB de memória RAM é suficiente.


Se você quiser baixar filmes, jogos e outros conteúdos multimídia da internet, é preciso que a máquina tenha um pouco mais de memória para não ficar lotada facilmente. Também é necessário que, de tempos em tempos, este conteúdo seja gravado em uma unidade de backup, que pode ser um HD externo ou em vários CDs ou DVDs.


Se você precisa de um computador para levar para viagens, eventos, trabalho e faculdade, é preciso se preocupar também se o notebook é suficientemente leve. O tamanho da tela pode ser menor, mas você tem que enxergar bem o que está exposto nela. Como, neste caso, a máquina vai passar muito tempo em trânsito e ligada longe da tomada, é preciso que a bateria dure bastante tempo para evitar dores de cabeça, como a de ficar andando com cabos procurando um lugar para ligá-la na energia elétrica. O ideal é que ela tenha duração de, pelo menos, mais de duas horas.


A resolução da tela também é um item a se considerar. De uma maneira geral, a resolução de 1024x768 é suficiente. Mas para os computadores usados principalmente para ver filmes e para jogar online, ela deve ser maior.


Os programas que vêm instalados de fábrica também devem ser alvo de atenção especial. Se você só sabe trabalhar com o sistema operacional Windows, é preciso que ele já venha no computador. Caso contrário, será preciso instalá-lo. E se não tiver um CD com ele ao alcance das mãos, isso pode significar investimentos extras, pois mais dinheiro terá que ser gasto na compra do programa. Isto é, claro, levando em consideração que você utilizará um programa original para evitar problemas.


O modelo de teclado também deve receber cuidado. Como ele fica acoplado ao computador, trocá-lo não é fácil. Por isso, é preciso saber se você trabalha bem com o padrão internacional, que não possui cedilha e está disponível em alguns notebooks importados, ou se prefere o ABNT-2, que é o que leva em consideração as particularidades da escrita em língua portuguesa.


Para que o seu notebook seja completo, é interessante verificar que ele tenha a função de gravador e leitor de DVDs e CDs. Com ela, você vai poder usufruir mais do equipamento nos momentos de lazer e usá-lo para gravar o material que você compra pela internet ou produz no seu laptop.


A maioria dos computadores que são produzidos nos dias de hoje não possui leitor de disquete. Mas todos têm (ou deveriam ter), pelo menos duas entradas USB para pen drives. Também é preciso observar se a máquina que você pretende comprar tem entrada para fone de ouvido e para um monitor externo. É interessante ter ainda uma entrada para cartão de memória e possibilidade de acesso a redes sem fio (wireless).


Marcas

Apple

Com um início que mais parece filme, a Apple cresceu muito desde sua fundação, dentro do quarto de um alojamento em uma universidade americana. Hoje, a empresa é uma das marcas mais valorizadas do mundo e seus produtos são considerados os mais avançados do mercado. Veja, aqui no Zura, mais detalhes sobre a história da Apple.


LG

A LG surgiu em 1947 com o nome de Lucky-GoldStar e logo se tornou uma das gigantes sul-coreanas do mercado de eletrônicos. Algum tempo depois, adotou o nome de LG e se consolidou mundialmente como fabricante de produtos de linha branca, informática e eletroeletrônicos em geral. Veja, aqui no Zura, mais detalhes sobre a história da LG.


HP

A união entre dois engenheiros californianos, Bill Hewlett e David Packard, deu origem à HP (Hewlett-Packard) em 1939. Computadores, suprimentos para informática, periféricos, componentes e softwares são alguns dos produtos fabricados pela HP. Veja, aqui no Zura, mais detalhes sobre a história da HP.


Sony

A Sony foi a responsável pelo lançamento do pioneiro rádio com transistores do Japão, assim como o primeiro gravador de fita cassete. Anos mais tarde, também seria da Sony a criação do famoso Walkman, portátil que tocava fitas K7 e tinha rádio AM/FM. Veja, aqui no Zura, mais detalhes sobre a história da Sony.


Windows ou Mac OS?

O sistema operacional utilizado por um notebook não difere dos que equipam os desktops mais utilizados. Apesar do crescimento de sistemas de software livre, como o Linux, a maioria dos usuários ainda oscila entre o Windows da Microsoft – em suas versões Vista, XP ou 7 – e os Mac OS, que são utilizados pelos portáteis da Apple. Deixando de lado o quase fanatismo que separa os usuários de um e de outro, é sempre bom mostrar o que os dois sistemas possuem de melhor.


Todos sabem que o Windows é a plataforma mais popular do mundo. Em 2008, o site de pesquisas MarketShare informou que mais de 88% dos usuários AL redor do planeta utilizavam o sistema operacional da Microsoft em seus computadores, contra menos de 10% que usavam o Mac OS.


Mas a popularidade e domínio total do Windows não significa, necessariamente, que ele é melhor. No quesito de simplicidade no gerenciamento de ícones na área de trabalho e alternância entre programas rodando simultaneamente, por exemplo, o Mac OS ganha. Outro ponto a favor do sistema da Apple é a sua segurança contra vírus, invasões e outras pragas cibernéticas. Já na área de compatibilidade com programas, o Windows, até mesmo por ser tão mais utilizado pela população, ganha do Mac OS, pois conta com muito mais aplicativos disponíveis no mercado. Também é mais fácil mexer com os diversos arquivos contidos em um notebook com a plataforma da Microsoft que em um com Mac OS. Ou seja o gerenciamento dos mais variados conteúdos é muito mais simples em um PC que em um Mac, o que é mais um fator importante para a maioria dos usuários.


Um dos pontos defendidos por todos os que utilizam o Mac OS é que, uma vez que se esteja acostumado a utilizar um Mac, a pessoa nunca mais vai querer mexer com Windows. Além de ser mais fácil instalar um programa nos notebooks da Apple, o sistema operacional é muito mais estável e difícil de “dar pau”.


Como se pode ver, não existe um sistema operacional que seja infinitamente superior ao outro. O melhor juiz nessa disputa é sempre você, que vai utilizar cada um deles e sabe como ninguém quais são suas necessidades e qual os tipos de programas e utilitários vai precisar usar. Ou seja, na guerra entre as plataformas, a sua melhor arma é sempre a informação.


Curiosidades

Como proteger seu companheiro de viagem

Uma das maiores vantagens de um notebook é poder contar com ele em suas viagens, seja a negócio ou lazer. Mas é preciso tomar cuidados para que aquilo que é um facilitador não se torne um problema para você. Antes de viajar, não esqueça de fazer um back up de tudo que for importante e que está armazenado em seu computador portátil. Outro cuidado muito importante é declarar seu laptop antes de embarcar. Quando chegar a seu destino, se for circular com ele, tenha certeza de utilizar uma mochila ou bolsa que disfarce o conteúdo para que não fique evidente que você está carregando um computador.


Independente da segurança, toda cidade está sujeita a maus elementos. Assim, quando for utilizar seu laptop em um local público, fique atento e tome cuidado com pessoas que podem tentar ver o que você está digitando. Principalmente se você estiver consultando bancos ou outros sites que necessitem de informações pessoais e senhas. Finalmente, ainda que a maioria dos notebooks novos aceitem diversos tipos de voltagem, certifique-se de que o seu estará seguro antes de plugá-lo na primeira tomada que vir.


Notebook roubado vira fonte vitalícia de cerveja

Em 2010, na Nova Zelândia, uma cervejaria local, a Croucher Brewing Company, teve um notebook roubado e ofereceu um estoque vitalício de cerveja em troca de informações ou da devolução do equipamento. Um dos sócios chegou a oferecer um suprimento de 12 garrafas por mês a quem identificar o ladrão do computador. Apesar de todo o conteúdo do notebook estar salvo em back ups, o computador continha as últimas atualizações de projetos, planilhas financeiras e contatos, o que deixou os proprietários da empresa desesperados.


Conheça a Síndrome de Pele Tostada

A popularização dos notebooks chegou a tal ponto que, graças às configurações mais avançadas que já são possíveis, muitas pessoas deixaram de comprar desktops. Parte disso é em razão da mobilidade proporcionada, parte pelo tamanho reduzido dos aparelhos, que ocupam menos espaço dentro de casa.


Mas, se antes era necessário utilizar uma mesa ou escrivaninha para operar um computador, com os notebooks isso não é mais preciso. Assim, com a prática comum de apoiar os aparelhos portáteis sobre os joelhos ou sobre as coxas, surgiu uma curiosa doença “geek”: a Síndrome de Pele Tostada.


Médicos suíços publicaram um artigo sobre essa nova doença na revista Pediatrics, explicando que ela é causada pela exposição prolongada ou constante da pele ao calor gerado pelos notebooks. Na matéria da revista, os cientistas mostraram um levantamento realizado desde 2006 e que encontrou dez casos confirmados, incluindo o de um menino de 12 anos que ficou com estranhas manchas nas pernas que lembravam uma esponja. Em outros casos, ocorreu uma descoloração da pele afetada e, ainda, outros em que a pele ficou escurecida definitivamente.


Assim, cuide de sua saúde e mantenha sempre seu notebook apoiado em uma superfície que absorva o calor dele, não deixando que o mesmo chegue diretamente a seu corpo.


Glossário

Adaptadores de vídeo

Responsáveis pelo processamento de vídeo em um computador, os adaptadores ou placas de vídeo são os componentes responsáveis por “desenhar” a interface gráfica daquilo que o usuário está executando.


Para que o computador proporcione bom desempenho ao executar jogos e outros softwares que exijam muito do vídeo, o usuário deve contar com a combinação de um bom adaptador de vídeo e uma boa quantidade de memória RAM instalados em seu dispositivo.


No mercado já é possível comprar adaptadores de vídeo que incluem memória dedicada ao vídeo e que diminuem a dependência da memória RAM do computador.


Bateria

Quando não estão plugados na tomada os notebooks utilizam a carga de sua bateria para fornecer energia ao equipamento.


Para prolongar a carga das baterias, muitos notebooks estão configurados para entrar automaticamente em modo de hibernação quando não estão executando nenhuma atividade. Iniciativas como desligar os dispositivos de conexão wireless quando não estiverem sendo usados ou diminuir a intensidade do brilho do monitor reduzem o consumo de energia dos notebooks.


HD

Conhecido também como disco rígido, o HD é o componente no qual ficam armazenados os arquivos e programas instalados em um computador. Para ter um bom desempenho com este componente, o usuário precisa observar dois aspectos na hora da compra: sua capacidade de armazenamento e a velocidade.


A capacidade de armazenamento de um HD é medida em gigabytes (GB) ou até mesmo em terabytes (TB), que equivalem a 1024 GB. Já sua velocidade é medida pelo número de rotações por minuto. Quanto maior sua capacidade e o número de rotações, melhor será o desempenho desse dispositivo.


Memória RAM

Importantíssimo para o desempenho de um computador e, em especial , para execução de tarefas simultâneas, a memória RAM é o componente utilizado para armazenar dados temporariamente e executar os programas enquanto o dispositivo está em funcionamento.


Medida em gigabytes (GB), quanto mais memória RAM um computador tiver, mais rápido o usuário poderá executar suas tarefas. 4 GB de memória em um computador é o bastante para executar a maioria das atividades, desde que não envolvam jogos e tarefas mais pesadas como edição de vídeos.


Portas USB

Utilizadas para conectar outros dispositivos ao computador, as portas USB são muito úteis no cotidiano do usuário e é por meio delas que se conecta o notebook à maioria de seus periféricos.


Nos notebooks, o usuário pode enfrentar algumas dificuldades caso o dispositivo não conte com no mínimo 4 entradas USB.


Processador

O processador é o componente que responde por todo o processamento de informações nos computadores. Ao comprar um computador, é preciso ter certeza que ele será rápido o bastante para atender às necessidades do usuário. O desempenho de um processador é determinado pelo número de núcleos de processamento e por sua velocidade de clock. Os processadores com múltiplos núcleos têm capacidade para processar maior número de dados simultaneamente. Já a velocidade de clock, mensurada em gigahertz (GHz), determina a velocidade de processamento desse tipo de componente.


Outro aspecto importante na hora de escolher um computador pelo seu processador é o consumo de energia, principalmente com relação aos notebooks e netbooks, já que quanto menor o consumo de energia, maior será o tempo de vida útil da bateria.


Sistema operacional

Ao comprar um computador, o usuário precisa definir também que sistema operacional ele vai utilizar. São muitos os fatores que determinarão a escolha desse quesito, o principal deles é quanto ele está disposto a pagar.


Muitos usuários escolhem o Windows pela familiaridade que já têm com o sistema operacional da Microsoft e também pelo preço mais em conta dos computadores que rodam nessa plataforma.


Já os usuários que escolhem a plataforma MAC,da Apple, o fazem por conta de seu estilo e melhor performance frente a tarefas mais pesadas, como edição de vídeos e imagens. Quem deseja adquirir um computador com esse sistema operacional tem de estar disposto a desembolsar um pouco mais em comparação aos computadores que rodam com Windows. A disponibilidade de softwares compatíveis com esse sistema também é menor.


Drives de leitura óptica

Utilizados para a gravação e leitura de mídias, como CDs, DVDs e discos de Blu-Ray, os drives de leitura óptica são a porta de entrada para a instalação da maioria dos softwares que o usuário utiliza, alem de possibilitar ver filmes, escutar músicas e transferir arquivos com facilidade.


Nos netbooks, esses componentes têm pouca presença por conta do tamanho reduzido desse tipo de computadores.


Touchpad

Usado para substituir o mouse nos notebooks, o touchpad funciona quando o usuário desliza o dedo sobre sua superfície e indica a posição do cursor do mouse na interface gráfica do computador.


O usuário pode programar para que o touchpad identifique um toque rápido em sua superfície como um clique ou movimente as barras de rolagem de um software mantendo o toque e deslizando para cima ou para baixo, esquerda ou direita.


Touchpads mais recentes permitem que o usuário utilize uma espécie de caneta para interagir graficamente com o dispositivo, permitindo que o componente “digitalize” assinaturas, por exemplo.


Dispositivos de conexão

Desktops e notebooks contam ainda com entradas RJ-11 e RJ-45, que servem para que o usuário conecte cabos específicos. As portas tipo RJ-11 conectam-se aos cabos de telefone convencionais e servem para que o computador se ligue a uma conexão discada. Já as portas tipo RJ-45 ligam-se aos cabos de rede de alta velocidade ou aos modems externos e também são chamadas de porta Ethernet.


Para conectar-se à internet e a outras redes utilizando uma conexão Wi-Fi, os notebooks utilizam os adaptadores wireless e permitem que o usuário obtenha acesso às redes sem a utilização de cabos, assim como seu nome em inglês já diz. Nos notebooks disponíveis no mercado, os adaptadores wireless já vêm instalados de fábrica.


Tamanho de um notebook

A configuração e o tamanho de um notebook são as principais características a serem observadas na hora de compra. O tamanho de um notebook está relacionado às dimensões de sua tela e, assim como em um televisor, é medido em polegadas. O tamanho de um notebook pode estar ligado à sua configuração e desempenho.


Notebooks com telas de 11 a 13 polegadas são ideais para usuários que têm de carregar frequentemente seu computador. Apesar das características semelhantes em relação aos modelos de tamanho maior, esses notebooks em geral sofrem com a perda de velocidade em razão de sua configuração reduzida e alguns modelos ainda deixam de fora os leitores de CD, DVD e Blu-Ray para reduzir seu peso ainda mais.


Já os notebooks com telas de 14 a 16 polegadas oferecem o equilíbrio ideal para quem deseja ter desempenho e mobilidade em único equipamento, a um preço razoável. Esse tipo de notebook pode ser facilmente utilizado como substituto de um desktop e são uma boa escolha para aqueles que não têm de carregar o computador tão frequentemente.


Os modelos com telas de tamanho superior a 17 polegadas são notebooks voltados para o entretenimento ou para profissionais que utilizam ao máximo os recursos gráficos de seu computador. É bem provável que esses notebooks custem mais até que um desktop.